ABRAPCH reúne-se com a Aneel e Frente Parlamentar em busca de melhorias para o setor

ABRAPCH reunida com representantes da ANEEL e da rente Parlamentar em Defesa das Pequenas Centrais Hidrelétricas e Microgeração

Nesta quarta-feira(31), a Associação Brasileira de Pequenas Centrais Hidrelétricas e Central de Geração Hidrelétrica (ABRAPCH), na figura do presidente, Paulo Arbex, a vice-presidente, Alessandra Torres e o conselheiro Plinio Pereira, estiveram reunidos com alguns representantes da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), e da Frente Parlamentar em Defesa das Pequenas Centrais Hidrelétricas e Microgeração.

 

O encontro teve o intuito de apresentar emendas a serem incorporadas à Medida Provisória 735. As emendas de interesse do setor são as seguintes:

 

Emenda 51: aumento da potência máxima das CGHs de 3MW para 5MW;

Emenda 85: aumento do prazo de concessão das PCHs para 35 anos;

Emenda 35:  aumento do prazo e concessão das PCHs para 35 anos com inclusão de uma renovação por mais 30 anos.

 

Para o presidente da ABRAPCH, Paulo Arbex, “a reunião foi muito positiva e esses assuntos são de enorme importância para o setor podendo aumentar exponencialmente a segurança e a competitividade das CGHs e PCHs”. A vice-presidente da Associação, Alessandra Torres, afirma que essas mudanças vão estimular a geração de empregos e rendas. “Não estávamos apresentando somente os interesses da ABRAPCH, mas sim buscando uma representatividade em assuntos que podem trazem muitos outros benefícios ao consumidor e para a sociedade em geral”, finaliza, Torres.

 

Fonte: Redação ABRAPCH